SE BEM ME LEMBRO

Em termos de comunicação social, foi autor e apresentador do programa televisivo que dá título a este texto e que muito contribuiu para popularizar a sua figura e dirigiu ainda o jornal O Dia entre 11 de Dezembro de 1975 a 25 de Outubro de 1976.

IN MEMORIAM

José Saramago nasceu na Vila de Azinhaga, no concelho da Golegã, de uma família de pais e avós agricultores, sendo a sua vida passada em grande parte em Lisboa, para onde a família se mudou em 1924 quando tinha apenas dois anos de idade.

MAIS UM AVISO À NAVEGAÇÃO

No passado dia 7, os brasileiros foram às urnas para escolher um novo Presidente, membros do Parlamento, Câmara dos Deputados e Senado, além de governadores e legisladores regionais em todo o país.

ENTRE A REALIDADE E A FICÇÃO

Dando como certo um relatório publicado pelo Alto Comissariado para as Migrações, cerca de metade dos 1.520 refugiados que chegaram a Portugal entre 2015 e 2017 abandonaram o País o que nos leva a questionar se será Portugal de facto um país acolhedor ou haverá razões para pensar o contrário.

O PERIGO CONTINUA A BATER À PORTA

No dia 11 de Setembro passado, completaram-se 45 anos do sangrento golpe de estado no Chile, chefiado por Augusto Pinochet, que derrubou o presidente constitucional Salvador Allende e deixou sequelas de crimes, desaparecimentos e torturas.

UMA FESTA PARA TODOS

No espaço da Quinta da Atalaia, agora alargado à Quinta do Cabo, realizou-se a 42.ª edição da Festa do Avante com uma programação cultural, desportiva e política rica e diversificada e marcada pela alegria, fraternidade, solidariedade e confiança na construção de um futuro melhor para todos os portugueses e povos do mundo.

ISTO ANDA TUDO LIGADO

Muito embora haja opiniões divergentes sobre o tema, o certo é que o Árctico está a derreter, o Antárctico mostra uma anormal coloração verde e o mundo vai aquecendo pouco a pouco, factos estes já transcritos em relatórios de cientistas dedicados a medir os efeitos das alterações climáticas no planeta Terra.

É CRIMINOSO IGNORAR O CRIME

O exército israelita matou 167 palestinianos e feriu mais de 18 mil desde o início da Grande Marcha de Retorno, a 30 de Março, informou no sábado passado, dia 11, o Ministério da Saúde da Palestina, em Ramallah.