A delegação da CDU de Santa Marinha e São Pedro da Afurada visitou, no passado dia 20 de novembro, a zona envolvente da Quinta dos Castelos, que se situa em Coimbrões e se encontra ignorada e negligenciada.

Olga Dias, eleita na Assembleia da União de Freguesias, contactou os moradores das cercarias da Quinta e os encarregados de educação dos alunos da Escola Básica, que se situa paredes-meias com o espaço que foi referido anteriormente, juntamente com outros ativistas.

Segundo a CDU, o objetivo desta visita é voltar a trazer o público a debate sobre o abandono da Quinta dos Castelos e levantar a questão do aproveitamento deste imóvel, assim como das situações de perigo e insalubridade que se verificam na zona envolvente.

A CDU referiu que a proposta que foi apresentada há três mandatos, foi aprovada em Plano e Orçamento da Junta da União de Freguesias de Santa Marinha e São Pedro da Afurada, para 2017, e implica o estudo da desanexação da Quinta dos Castelos, do Fundo Imobiliário em que foi integrada pela gestão camarária PSD/CDS, de modo a ser convertida num espaço de lazer.

“O espaço de lazer proposto pela CDU, a partir desta Quinta seria também de interesse para o Associativismo”, referiu a CDU. “Os moradores queixam-se que animais nocivos, provindos do matagal em que a Quinta se encontra convertida, entram nas casas. (…) O passeio em seu torno é estreio, sendo o afluxo de crianças e respetivos acompanhantes a pé, numeroso. O trânsito automóvel, nas horas de entrada/saída de alunos, não é negligenciável. Ao nível do solo, do lado da Travessa da Regueira, não se encontra vedado o acesso à linha de comboio”, esclareceu a CDU.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com