Ator, autor, cantor e agora encenador, o distinguido com o Troféu Revelação do Ano pelo AUDIÊNCIA iniciou o seu percurso no teatro amador, passando por várias companhias e diferentes espetáculos.

O início da sua carreira artística deu-se em 2007, na série “O Quinto Poder”, seguindo-se vários espetáculos como “Reviver Hermínia Silva”, “Fado, História de um Povo”, “O Melhor de La Féria”, entre outros. Em 2012, participou também na série “Morangos com Açúcar”, seguindo-se outros trabalhos em novelas, nomeadamente em “Talvez” e em “A Única Mulher”.

Conciliando a televisão, dedicou-se de corpo e alma ao teatro de revista, estreando-se como autor em “Humor com Humor se Paga”, que também integrou como autor, numa produção de Hélder Freire Costa no Teatro Maria Vitória.

Contudo, 2016 marcou o início de uma nova aposta, com a estreia como encenador na revista “Parque à Vista”, também no Maria Vitória, pelo que o AUDIÊNCIA decidiu, este ano, distinguir com o Troféu Revelação do Ano o, agora, encenador, Flávio Gil.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com