O velejador Serafim Gonçalves, “laserista” que representa o Clube Naval Povoense, há cerca de duas décadas ininterruptas, classificou-se 25º da geral no Campeonato Europeu de “masters”, prova que levou ao Lago di Garda, no norte de Itália, o número notável de cerca de duas centenas de velejadores, oriundos dos mais diversos países do mundo (extra-europeus incluídos), visto tratar-se de um evento “aberto”, independentemente da origem geográfica do atleta. Numa competição que previa a concretização de uma dezena de regatas, a falta de vento nos dias da abertura, permitiu apenas a realização de nove, que “coroaram” o velejador grego Adonis Bougiouris destacado no primeiro patamar do pódio, fazendo jus a um título que conquistou com 21 pontos de penalização, depois de ter obtido três triunfos parciais. A segunda posição pertenceu ao francês Bertrand Blanchet, com 32 pontos, que foi primeiro em duas regatas, enquanto o terceiro patamar do pódio foi para o país vizinho, graças à performance dos experiente Carlos Echavarry, que terminou com 39 pontos e vitória em duas regatas. As restantes regatas foram ganhas por concorrentes que ficaram fora do “top-ten”, facto que pode ser entendido como uma prova de elevado nível competitivo.

Quanto a Serafim Gonçalves, que terminou com 174 pontos, a sua melhor prestação ocorreu na segunda regata, com um excelente 15º lugar, tendo registado os seguintes posicionamentos: 18º, 15º, 27º, 21º, 28º, 23º, 21º, 28º e 21º. Ainda assim, o velejador do Povoense mostrou-se satisfeito com a sua prestação, tendo em conta o nível qualitativo dos competidores.

O próximo desafio de Serafim Gonçalves centrar-se-á no Mundial de 2021, a realizar em Barcelona, em Setembro, para o qual tem já presença assegurada.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com