blank

MERCADONA DOOU 670 TONELADAS DE PRODUTOS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2022

A cadeia espanhola de supermercados doou, em Portugal, no primeiro semestre do ano, 670 toneladas de bens de primeira necessidade a cantinas socias, bancos alimentares e instituições locais de solidariedade social, sendo que 373 toneladas foram distribuídas no distrito do Porto. Além desta vertente, a Mercadona, também, demonstra uma enorme preocupação com a sustentabilidade ambiental, espelhada na sua Estratégia 6.25, e trabalha com 32 fundações e centros ocupacionais na decoração das suas lojas, com murais elaborados por pessoas com incapacidade intelectual.

 

 

 

A Mercadona doou 670 toneladas de produtos de primeira necessidade no primeiro semestre de 2022, em Portugal. Estas doações, que equivalem a mais de 11 mil carrinhos de compras, foram destinadas a mais de 30 cantinas sociais, cinco bancos de alimentos e outras entidades sociais com as quais a empresa colabora. No distrito do Porto, onde a Mercadona conta já com 18 lojas, doou 373 toneladas de produtos de primeira necessidade a instituições locais de solidariedade social.

A empresa espanhola participa, ainda, com os seus recursos humanos e logísticos, noutras iniciativas de âmbito nacional que se realizam ao longo do ano, como é exemplo a “Campanha de Recolha”, organizada pela Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares Contra a Fome, e da campanha “Shop for Goodness” promovida pela Cruz Vermelha Portuguesa, cujo montante angariado foi convertido em cartões de compra, que contribuem para a autonomização de famílias carenciadas.

Com mais de 1660 lojas entre Portugal e Espanha, a Mercadona doou 10800 toneladas de bens na primeira metade deste ano, o equivalente a 180200 carrinhos de compras, que se destinaram a mais de 410 cantinas sociais, 60 bancos de alimentos e outras entidades sociais de ambos países.

 A Mercadona assume o compromisso de partilhar com a sociedade parte do que dela recebe e, por isso, tem um Plano de Responsabilidade Social que faz questão de pôr em prática no dia a dia da sua atividade. Assim, a par da doação de alimentos, a Mercadona colabora de forma próxima com 32 fundações e centros ocupacionais na decoração das suas lojas com murais de trencadís (mosaicos típicos do Mediterrâneo), elaborados por mais de mil pessoas com incapacidade intelectual.

Outra linha estratégica do Plano de Responsabilidade Social da marca é a sustentabilidade. Neste âmbito, a Mercadona possui um Sistema de Gestão Ambiental próprio, baseado nos princípios da economia circular e focado na otimização logística, eficiência energética, gestão de resíduos, produção sustentável e redução do plástico. Nesse sentido, está a desenvolver a Estratégia 6.25, que consiste em seis ações para atingir um triplo objetivo até 2025: reduzir o plástico em 25%, tornar todas as embalagens recicláveis e reciclar todos os seus resíduos de plástico.

Além disso, a Mercadona integra, desde o ano de 2011, o Pacto Mundial das Nações Unidas para a defesa dos valores fundamentais em matéria de direitos humanos, normas laborais, meio ambiente e luta contra a corrupção.