A Ribeira Grande recebeu uma Noite de Serenatas, no âmbito do V Festim (Festival de Tunas Mistas), organizado pela Enf’In Tuna, a Tuna Mista da Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada, que contou com as atuações das tunas a concurso, do Grupo de Fados da Universidade dos Açores e também da tuna anfitriã.

O Largo Conselheiro Artur Hintze Ribeiro na Ribeira Grande foi o palco escolhido pela Enf’In Tuna para receber a Noite de Serenatas, inserido no festival que organizam, o Festim. Numa noite fria, foram dezenas de ribeiragrandenses que se deslocaram até ao centro da cidade para ver e ouvir os grupos musicais que atuavam.

A noite de 15 de fevereiro começou com a atuação do Grupo de Fados da Universidade dos Açores, seguindo-se as quatro tunas a concurso: TMIST (Tuna Mista do Instituto Superior Técnico de Lisboa), a TAOD (Tuna Académica de Oliveira do Douro), a Viriatuna (Tuna Académica da Escola Superior de Saúde de Viseu) e, por fim, a Enfertuna (Tuna Académica da Madeira). Para terminar a primeira noite em que as tunas estiveram em concurso, seguiu-se a atuação da Enf’In Tuna, tendo a festa seguido noite dentro em Ponta Delgada.

Ainda durante o dia 15, as tunas estiveram de passagem pela Ribeira Grande, sendo que no programa constaram-se algumas visitas aos museus e pontes de interesse da cidade: Museu da Emigração, Museu Vivo do Franciscanismo, Casa do Arcano, Museu Municipal, Escola Secundária da Ribeira Grande, Biblioteca Municipal Daniel de Sá e Teatro Ribeiragrandense, havendo ainda tempo para uma degustação dos diversos licores da Fábrica de Licores Eduardo Ferreira & Filhos Lda., bem como para um passeio pela praia de Santa Bárbara e pelo centro da cidade ribeiragrandense.

A noite de 16 de fevereiro contou com um espetáculo na Aula Magna da Universidade dos Açores, em que além das tunas a concurso participaram o Urro das Marés e dos Bora lá Tocar (Associação Tradições), bem como as tunas da academia: a TAUA (Tuna Académica da Universidade dos Açores), a Tuna Com Elas e os Tunídeos.

No final do espetáculo, após a atuação da tuna anfitriã, foram revelados os vencedores: o prémio de Rally Tascas foi entregue à Enfertuna, o de Melhor Original à TAOD, o de Melhor Adaptação também à TAOD, o de Melhor Instrumental à TMIST, o de Melhor Solista à Viriatuna, o de Melhor Porta-Estandarte à TAOD, o de Melhor Serenata à Enfertuna, o de Melhor Pandeireta à Viriatuna, o de Melhor Tuna à TAOD e, por fim, o de Tuna Mais Tuna à Enfertuna. Assim sendo, a TAOD foi a grande vencedora da noite com quatro prémios arrecadados, incluindo o de Melhor Tuna.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com