Manuel Barreiro de Magalhães, antigo médico da Volta a Portugal, foi homenageado, em Pedorido, em Castelo de Paiva, por cerca de 30 antigos ciclistas.

A homenagem a Manuel Barreiro de Magalhães, antigo médico da Volta a Portugal e das equipas de ciclismo do Futebol Clube do Porto, realizou-se em Pedorido, em Castelo de Paiva e contou com a presença de cerca de 30 antigos ciclistas.

Joaquim Leite, presidente da Assembleia Geral da Associação de Ciclismo do Porto e proprietário da Ciclocoimbrões, contou ao AUDIÊNCIA que o tributo “decorreu em Pedorido, no local onde se encontra o busto do Dr. Manuel Barreiro de Magalhães, junto à casa onde ele viveu, e contou com a presença de cerca de cerca de 30 antigos ciclistas. Para além de médico do ciclismo, o Dr. Barreiro de Magalhães também era médico dos mineiros das Minas do Pejão e, para minha surpresa ele viveu no Pejão e também era o médico dos pobres do Pejão, que também se associaram à homenagem prestada pelos antigos ciclistas”, e que o objetivo passou por “recordar os 40 anos em que ele participou como médico da Volta a Portugal. A homenagem que nós lhe fizemos, depois de termos contribuído para o seu busto, que foi edificado pela Junta de Freguesia de Pedorido, com o apoio de antigos corredores, advém do facto de ele ter sido um homem que fez tudo pelo ciclismo, que nos ajudou muito nas nossas carreiras e foi uma lenda que deixou saudades”.

“O Dr. Barreiro de Magalhães foi uma pessoa que se interessou sempre pela nossa vida desportiva e pela nossa saúde e nós sempre lhe guardamos um grande respeito por isso. Nós devemos-lhe muito, porque ele era isento da exploração no desporto a que hoje, infelizmente, se assiste”, recordou o empresário e presidente da Assembleia Geral da Associação de Ciclismo do Porto, afirmando que “nós estamos sempre com o Dr. Barreiro de Magalhães na nossa mente e no nosso coração”.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com