O Presidente da República declarou eleições legislativas a 30 de janeiro de 2022 e com esta medida a “ Caça ao tesouro “ disparou para todos os partidos.

Os políticos quer da direita como os da esquerda não olham a meios de se destruírem negativamente uns aos outros, nesta altura do campeonato vale tudo, até a luta pelo poder interno de líder do partido é uma prioridade nesta corrida desenfreada pela conquista de liderança.

A luta pelo poder tem que ser aliciante a caça ao tesouro no fim do Arco Irís ( Assembleia da República )  tem que valer mesmo a pena porque a procura do “ Pote  Mágico “é motivo para muita política do bota abaixo e o resultado deixa os Portugueses cansados, e desmotivados a votar, porque já não acreditam no “ duende mágico ( leprechaun ) que se esconde com os sonhos do povo,  com as suas necessidades ,lutas , ideias, projetos que nunca são validados nem defendidos, porque os nossos políticos que se acham iluminados apenas se preocupam com os seus próprios interesses e fingem  sobretudo com uma consciência doentia, camuflando  as suas verdadeiras motivações políticas, que são as suas batalhas e lutas de campanha.

As eleições legislativas deveriam ter sido evitadas o País está demasiado fragilizado para se submeter a votos, mas a ganância pelo arco-íris falou mais alto e o tesouro no final da viagem é a única recompensa eleitoral para estes grandes defensores do egoísmo, vaidade e falsos defensores que apenas se preocupam com o seu próprio EGO.

A caça ao tesouro está lançada talvez a surpresa, seja a única mensagem deixada pelo Povo que está atento às jogadas de estratégia, porque nesta grande e dolorosa viagem o “ pote mágico “ só encheu para os ricos e os pobres ficaram com migalhas espremidas nos miseráveis duodécimos que tiveram que matar a fome de muitas famílias, outras serviram-se da boa vontade alheia, porque o desemprego foi a fatura de uma política mal direcionada e o resultado de tanto sacrifício ainda nos deixou pior, e quando o comboio a carvão  devagar devagarinho, começou andar e as coisas foram melhorando, mesmo com falhas, agora  como está no trilho são descartados , colocados de lado  e em campanha todos os partidos da oposição ditam discursos bem elaborados, cheios de medidas fantásticas para confundir os eleitores.

No entanto os Portugueses não andam a dormir estão mais atentos do que parece e enquanto alguns políticos estão mais preocupados quem vai ter direito de colocar a mão no tesouro pode ser que o duende mágico surpreenda e defenda e lute com prudência e bom senso pelos verdadeiros interesses do Povo.