As comemorações oficiais do Dia da Região Autónoma, efeméride que este ano acontece a 1 de junho, serão repartidas pelas cidades da Horta, de Angra do Heroísmo e de Ponta Delgada.

Tendo em conta as circunstâncias causadas pela COVID-19, por decisão da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores e do Governo Regional, este ano não se realiza a cerimónia de imposição das Insígnias Honoríficas Açorianas com a presença de convidados, nem o convívio das tradicionais Sopas do Espírito Santo.

A cerimónia comemorativa inicia-se às 11h com a intervenção do Presidente do Governo da Região Autónoma dos Açores, Vasco Cordeiro, a partir do Palácio de Santana em Ponta Delgada, seguindo-se Ana Luís, Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, desde a sede da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, na cidade da Horta, ilha do Faial.

Por fim entoam-se os hinos da Região Autónoma dos Açores e Nacional a partir de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira, pelo Coro Tibério Franco – Terra Chã.

Esta é uma data que celebra a “afirmação da identidade dos açorianos, da sua filosofia de vida e da sua unidade regional”, tendo sido instituída pela Assembleia Legislativa em 1980. Em 2019 celebrou-se desde a vila da Calheta em São Jorge.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com