A Secretária Regional da Solidariedade Social desafiou as autarquias locais a desempenhar um papel ativo no combate à pobreza e à exclusão social. Andreia Cardoso falava na sessão de abertura das I Jornadas de Reabilitação da Ribeira Grande no passado dia 7 de dezembro.

Na intervenção de Andreia Cardoso nas I Jornadas de Reabilitação da Ribeira Grande ficou o desafio lançado às autarquias referente ao combate à pobreza e à exclusão social, bem como na inserção socioprofissional de pessoas com deficiência.

Segundo a Secretária Regional, o Governo dos Açores está disponível e interessado em “aprofundar o trabalho. De acordo com a governante, a intenção do Governo Regional é aprofundar a sua ação a nível local, esperando que, “para isso, haja disponibilidade de todas as autarquias locais”.

Durante o seu discurso, a Secretária Regional adiantou algumas das medidas previstas pelo Executivo açoriano e integradas no programa AQI-Açores (Avaliar, Qualificar, Inserir), designadamente o estímulo do desenvolvimento de atividades socialmente úteis e a proposta de alteração legislativa no que concerne à empregabilidade de pessoas com deficiência.

Andreia Cardoso deu o exemplo do Município da Ribeira Grande, que “tem nas suas instituições parceiros valiosos, alguns já a desenvolver atividades socialmente úteis, o que é um privilégio”, pelo que “por essa via, tem também imenso potencial para fazer mais, promovendo a empregabilidade das pessoas com deficiência no seu concelho”.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com