Fundada a 28 de fevereiro de 1593, o troféu deste ano vai para uma Instituição Particular de Solidariedade Social constituída na ordem canónica, com o objetivo de praticar a solidariedade social.

Filiada na União das Misericórdias Portuguesas, e fundadora da União Regional das Misericórdias dos Açores, esta IPSS tem ajudado várias localidades da Ribeira Grande e conta, atualmente, com 215 trabalhadores.

Dentro das valências que dispõe, destaca-se a farmácia, o apoio comunitário, e o apoio a crianças e jovens e a idosos, que abrange cerca de 550 crianças e jovens e 250 idosos de todo o concelho.

São várias as distinções que esta instituição já recebeu, entre elas pela Câmara Municipal e uma especial bênção do Papa João Paulo II, acrescentando agora a de Troféu Instituição 2018 pelo AUDIÊNCIA, pelo seu trabalho em prol da população que mais necessita. Falamos da Santa Casa da Misericórdia da Ribeira Grande.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com