No dia 2 de agosto a Tuna Musical “A Vencedora” de VIlar de Andorinho celebrou os seus 93 anos de existência, Culturalmente é uma Associação muito dinâmica, tanto na música como no desporto, e Teatro.

Pelas 21h30 no dia 2 foi o hastear das bandeiras na sede da coletividade com a presença dos músicos da Tuna que embelezou a sessão solene com a sua brilhante exibição.

Os convidados que estiveram presente na cerimónia foi o Presidente da Junta de Freguesia de Vilar de Andorinho Drº Serafim Teixeira; representante do Presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia Elísio Pinto; a Presidente da Assembleia de Freguesia Natália Sofia Cardoso; Vice – Presidente da Federação das Coletividades de Gaia João Farinha e Presidentes de várias Associações da Freguesia, Sócios e Amigos etc.

O Presidente da Tuna Musical Fernado Silva tomou a palavra e chamou ao palco todos os Sócios completavam 50 e 25 anos de sócios onde entregou medalhas para simbolizar o ato. Também foram entregues lembranças a todos os elementos que participaram no grupo músical e no Teatro, durante estes últimos anos , os ensaiadores de Teatro António Meireles e Fernando Mais foram homenageados pelos excelentes trabalhos que apresentaram a todos os Sócios e Amigos que amam a arte de representar.

 

 

Um dos pontos a salientar da noite foi a linda e singela homenagem que a Tuna fez a um elemento Musical que partiu para a eternidade Maria Orquidea,são estes gestos que fazem pensar que uma Associação pode marcar a diferença pela atenção e a gratidão que tem por aqueles Sócios que deixaram o seu contributo e testemnho pela passagem na Associação.

No dia 5 de agosto pelas 10 h00 da manhã foi realizada uma romagem ao cemitério local para homenagear e demonstrar o carinho e gratidão pelos Sócios já falecidos , um ato emocional que demostra respeito, dedicação de um passado que deixou um legado que merece ser valorizado e homenageado , este ano foi colocado uma placa de agradecimento no jazigo do Sócio Honorário António Joaquim Silva Oliveira, pelo seu contributo à Coletividade.

No final do ato o Sócio nº 1 Sr: Delfim declamou um poema de Pedro Homem de Mello e pelas 11h00 foi celebrada uma missa em honra dos Sócios já falecidos na Igreja Matriz.

A Tuna Musical ” A Vencedora ” de Vilar de Andorinho, completou 93 anos de existência tem feito um caminho nem sempre fácil de ultrapassar, mas durante este longo percurso tem demonstrado pelas várias direções motivação , orgulho, dinamismo que ultrapassaram todas as barreiras e o resultado foi muito positivo pelo excelente trabalho que foi elaborado e apresentado para festejar 93 anos de Cultura.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com