Alexandre Gaudêncio anunciou que está prevista a abertura de um novo período de candidaturas de apoio a fundo perdido durante o próximo mês de maio. Este apoio visa colmatar as perdes verificadas devido à pandemia e segundo o próprio, “poderão candidatar-se os estabelecimentos comerciais com sede no concelho.” Esta decisão foi tornada pública, pelo autarca, durante a entrega dos prémios relativos ao concurso de montras de 2020.

O presidente deixou ainda uma mensagem de esperança aos empresários, onde referiu que “perspetiva-se uma retoma na economia, ainda no corrente ano, mas sempre dependente do evoluir da pandemia no concelho.”.

A Câmara da Ribeira Grande já investiu aproximadamente 210 mil euros em campanhas de consumo no comércio e restauração. Até ao final de abril, encontra-se em vigor a campanha “Sabores locais à mesa”, uma iniciativa que contempla um desconto de 25% nas refeições adquiridas nos restaurantes aderentes, permitindo a entrega gratuita ao domicílio através de uma parceria com a Associação de Táxis de São Miguel.

Alexandre Gaudêncio salientou, ainda, que o programa Selo Covid-Free, “tem permitido realizar várias campanhas de testagem gratuita aos funcionários dos estabelecimentos que aderiram à iniciativa, permitindo desta forma despistar possíveis casos de infeção pelo novo coronavírus.”.

O presidente da Câmara da Ribeira Grande, visitou os três estabelecimentos vencedores do concurso de montras, acompanhado pelo vereador da Cultura, Filipe Jorge e pelo Presidente da Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada, Mário Fortuna. Os vencedores foram O atelier Didamary, a loja Arco Íris e o atelier Toque de Magia.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com