Quem o diz não somos nós. É o próprio cliente que assim o pensa. Quem entra na Look Fashion sabe que entra numa “casa amiga” em que cada cliente é um amigo. Com tecidos para todos os gostos, a Look Fashion vende também diversos artigos que até os turistas começam a comprar como lembrança. Fique a conhecer este espaço, com apenas oito anos, mas que já se tornou “famoso” na Ribeira Grande.

 

Situada na Rua Nossa Senhora da Conceição, nº 25, mesmo em frente à estação dos CTT da Ribeira Grande existe aquela que é considerada por muitos como “a loja mais gira da Ribeira Grande”, a Look Fashion.

“Todos os dias tenho a loja impecável para o cliente entrar e ver tudo bem exposto, limpinho e bem arranjado. Por isso é que os meus clientes, e eu, dizemos que a Look Fashion é a loja mais gira da Ribeira Grande”, explica a proprietária, Goreti Janeiro.

Sendo uma retrosaria, a Look Fashion vende não só tecidos normais, como para cerimónia, além de lingerie, panos de renda, artigos regionais, tecidos para bordar ou para fazer tecidos manuais. A loja disponibiliza ainda artigos de roupa masculina, embora os tecidos representem, de facto, a maior percentagem de vendas.

“Tentamos vender de tudo um pouco mas o que vendo bastante são mesmo os tecidos. Há pessoas que vêm de Ponta Delgada, da Lagoa, dos Arrifes, de Povoação, das Furnas, ou da Lomba da Maia à procura dos tecidos quando sabem que chegam as novas coleções de primavera/verão, ou de outono/inverno”.

Além disso, Goreti Janeiro explica que alguns clientes acabam por se tornar amigos. “Somos uma loja de proximidade e cada cliente é um amigo. Há um senhor idoso viúvo que vem cá comprar coisas para a decoração da casa porque diz que eu sei o que fica bem e tenho bom gosto. E vem cá muitas vezes visitar-me, assim como outros que me trazem ofertas no natal, nos meus anos, portanto, é uma amizade que criamos com o próprio cliente. Temos muitos amigos bons e podemos ter também inimigos que falam bem de nós aqui e mal fora daqui. Mas é assim mesmo e estamos habituados”, afirma.

Já os preços, são os normais, dependendo do que o cliente necessita. “Temos preços diversos, desde o mais alto ao mais baixo. Além disso, temos um cuidado especial com os produtos apresentados, tenho bastantes clientes de referência que já me conhecem desde nova”.

A Look Fashion foi criada, em 2009, por Goreti Janeiro, após ter trabalhado na área desde 1972. “Esta é uma criação minha. Sou empregada de comércio desde 72, primeiro trabalhei num casa de pronto a vestir, onde fique bastantes anos, depois fui trabalhar para uma retrosaria na Ribeira Grande, também uns bons anos”.

Contudo, este não é o primeiro estabelecimento de Goreti Janeiro, já que antes tinha tentado algo semelhante com uma sócia, mas a sociedade não deu certo e Goreti Janeiro decidiu arriscar sozinha.

“Quando fechei do outro lado, abri aqui por minha conta própria. Era para fazer sozinha mas a minha filha ajuda muito, é muito criativa nas montras, a vestir manequins, essa parte é com ela. Já ganhamos três vezes o 1º prémio de montras, ganhamos também o segundo e terceiro lugar. E é tudo imaginação dela. Está a tirar o curso de sociologia mas nas vagas que tem ajuda-me imenso aqui na loja, seja no atendimento ou na contabilidade”, conta a proprietária.

Já a filha, Nádia Rego, admite que o comércio não está nos seus planos, só se estiver ligado à área da moda, já que gostaria “de contribuir para desenvolver a ilha”.

Falando em desenvolvimento, o aumento do turismo na Ribeira Grande também tem sido benéfico para a Look Fashion, que aproveitou a oportunidade para alargar o seu leque a produtos também para os turistas. “Tenho muitos turistas que me compram tecidos, gostam muito dos estampados. Outros compram coisas mais pequeninas porque não gostam de gastar muito dinheiro”, explica.

Também os emigrantes são um público-alvo da Look Fashion, embora Goreti Janeiro admita que já não compram como antigamente. “Já compraram mais, porque no estrangeiro também há destas casas, de artigos regionais portugueses. Por isso descemos um bocadinho a nível só destes negócios que tem lá fora igual aos nossos. Mas não me queixo por isso”.

Também os visitantes do continente comprar na Look Fashion, não pelos produtos em si, mas pelo facto de ter o logotipo de S. Miguel, Açores.

De facto, Goreti Janeiro afirma não ter motivos para se preocupar, até porque conta com o apoio da autarquia da Ribeira Grande, especialmente do presidente Alexandre Gaudêncio. “O nosso presidente ouve-nos muito bem. Quando vamos a reuniões ele faz questão de fazermos uma passagem de modelos, eu já fiz sete, e aí também acabamos por vender bastantes tecidos. E é uma forma de nos ajudar”, remata.

Para o futuro, a proprietária espera continuar com o mesmo ritmo e ter sempre os clientes satisfeitos, estando já a idealizar como irá fazer a montra para a Festa da Flor, com o objetivo, claro, de ganhar novamente.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com