A Mercadona reforça o seu Plano de Responsabilidade Social durante a situação de crise de saúde causada pela Covid-19 que atualmente atravessa o nosso país. Além de colaborar com diversas instituições que ajudam no apoio a famílias carenciadas, a empresa tornou-se parceira dos 6 Centros de Acolhimento Temporário que acolhem utentes das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (ERPI) e dos Lares Residenciais (LR) infetados com Covid-19.

Estes 6 centros, estão localizados na região norte de Portugal, mais concretamente no Porto, Viana do Castelo, Braga, Bragança, Aveiro e Vila Real, com capacidade para apoiar cerca de 340 pessoas idosas. Num primeiro envio a Mercadona doou 11.500 kilos de produtos sendo que o apoio vai continuar ao longo dos 3 meses em que estes centros vão estar em funcionamento.

O Secretário de Estado da Mobilidade e Coordenador Regional Norte da Covid-19, Dr. Eduardo Pinheiro, destaca que: “Este momento obriga a que todos dêmos o melhor de nós, cidadãos e Instituições. Com o presente donativo, a Mercadona dá um bom exemplo de solidariedade e de cooperação. A conjugação de esforços permite-nos assim dar mais e melhores respostas. O nosso obrigado.”

Esta primeira doação foi realizada, no dia 27 de abril, à Autoridade Nacional de Proteção Civil com o objetivo de dotar os centros de produtos essenciais como água, lixívia, gel sanitário, papel higiénico e toalhetes. O material entregue nas instalações do Regimento de Transmissões, no Porto, local utilizado para apoio logístico, será agora distribuído pelas Forças Armadas nos seis Centros de Acolhimento Temporário.

Elena Aldana, Diretora-Geral Internacional Relações Externas da Mercadona, afirma que: “A Mercadona está, como sempre esteve, comprometida com iniciativas que visam partilhar com a sociedade tudo o que dela recebe. Por isso estamos a reforçar o nosso plano de apoio social através de doações a várias instituições. Dentro deste plano de ação social aceitámos prontamente contribuir para esta causa, que visa o apoio a pessoas idosas e a manutenção destes Centros de Acolhimento na região norte, região que sempre tão bem nos recebeu.”

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com