A apresentação do programa do North Music Festival, que acontece nos dias 30 de setembro, 1 e 2 de outubro, foi feita a bordo de um barco rabelo e contou com a presença de diversos artistas portugueses. Nomes como Ornatos Violeta, GNR, OneRepublic, The Script e The Waterboys embelezam o programa do festival que promete segurança, uma vez que só vai ser permitido entrar no recinto mediante apresentação de certificado digital ou um teste negativo à covid-19.

 

 

No dia 7 de setembro, a bordo de um barco rabelo pelo Rio Douro, foi apresentada a programação completa para a quarta edição do North Music Festival (NMF). O evento vai invadir a cidade do Porto durante os dias 30 de setembro, 1 e 2 de outubro.

O cartaz conta com grandes nomes da música nacional e internacional. No dia 30 de setembro vão atuar os Ornatos Violeta, Linda Martini, Zen, Paus, Paraguaii e Pedro Lima. No Dia Mundial da Música, 1 de outubro, subirão ao palco os OneRepublic, David Fonseca, Capicua, Domingues, T-Rex e Throes + The Shine. No último dia do festival, 2 de outubro, o público pode contar com os The Script, The Waterboys, GNR – que comemoram os seus 40 anos – Keep razors Sharp, Cassete Pirata e Moullinex & Xinobi.

No dia da apresentação, Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, disse que “é fantástico pensar que vamos ter novamente festival na cidade do Porto, que vamos voltar à normalidade”, referindo ainda a enorme envolvência que o North Music Festival traz à cidade. O autarca ainda brincou com a situação garantindo que uma das vantagens do evento é acontecer depois das eleições e, assim, estará presente, seja qual for o resultado do dia 26 de setembro, e vai aproveitar o festival.

Vários músicos marcaram presença no passeio de barco e todos se mostravam entusiasmados com a ideia de voltar aos palcos, após a situação de pandemia que impediu grande parte dos eventos e concertos durante um período de dois anos.

Jorge Veloso, diretor do evento, garantiu que “o festival vai acontecer”. O cumprimento das normas impostas pela Direção-Geral da Saúde (DGS) vai ser indispensável para o sucesso do festival e, para isso, Jorge explicou que a entrada no recinto só acontecerá mediante a apresentação do certificado digital ou um teste negativo à covid-19. O diretor do North Music Festival ainda contou à comunicação social que o evento contará com uma zona de testagem, na Alfândega do Porto, para quem chegar desprevenido ao local.

Os bilhetes diários têm o valor de 50 euros, já o passe geral custa 90 euros em pré-venda.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com