Durante o mês de novembro, foram vários os momentos importantes no município da Ribeira Grande. Desde o aniversário de um grupo de escuteiros, à inauguração da sede remodelada de outros, passando por uma homenagem dos emigrantes às festas do Divino Salvador. Alexandre Gaudêncio ainda reinaugurou um trilho, demonstrado o investimento do município nessa área, destacando também a cultura, com um protocolo celebrado com o Conservatório de Música de Ponta Delgada. Na educação, no aniversário da Escola Básica Integrada da Maia, o edil ribeiragrandense salientou o aumento dos apoios, anunciando que está prevista, para o ano de 2022, uma verba de 125 mil euros para atribuição de bolsas de estudo aos alunos que pretendam prosseguir no ensino superior. “Cookies de Chá – Bogangas” foi o projeto vencedor do Concurso de Ideias da Ribeira Grande, um apoio ao empreendedorismo local. O Dia Nacional do Mar foi celebrado com uma limpeza à zona costeira de Rabo de Peixe. Ribeira Grande é uma das oito cidades do país a pertencer à rede de cidades circulares, através do projeto “RURBAN Link”, e, ainda, criou uma plataforma eletrónica de submissão de projetos para licenciamento urbano, que funcionará 24h e dispensará deslocações aos serviços municipais.

 

 

25 anos dos Escuteiros da Maia

O Agrupamento 1089 do Corpo Nacional de Escutas (CNE) da freguesia da Maia, celebrou o 25º aniversário da sua fundação, no dia 3 de novembro, com uma Eucaristia e Promessas, realizadas na Igreja Paroquial do Divino Espírito Santo da Maia, seguidas de uma sessão evocativa no Centro Social e Paroquial da Maia.

O Presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, teve a oportunidade de endereçar aos Escuteiros e respetivas famílias, uma mensagem de parabéns, realçando que os ideais escutistas são importantes para dotar os jovens de bons valores. O autarca referiu ainda que é intenção da autarquia continuar a apoiar os agrupamentos de escuteiros, sendo que, no caso concreto da Freguesia da Maia, iria empenhar-se para que o mesmo possa ter uma sede própria.

Além do presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, estiveram também presentes na cerimónia o vereador José António Garcia, a presidente de Junta de Freguesia da Maia, Susana Ferreira, e o Chefe de Núcleo do CNE, da ilha de São Miguel, Paulo Mota.

 

Inauguração da sede dos Escuteiros do Agrupamento 1144 após obras

Alexandre Gaudêncio, presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, acompanhado do vereador da Cultura, Juventude e Desporto, José António Garcia, visitou, no dia 12 de novembro, a sede dos escuteiros do Agrupamento 1144, na freguesia do Pico da Pedra.

A visita serviu para marcar o regresso dos Escuteiros à sua sede, após as obras de requalificação a que o imóvel foi sujeito nos últimos meses. A intervenção teve como objetivo melhorar as condições de segurança e utilização do espaço e teve um custo de 15 mil euros. “A Câmara Municipal tem sido um parceiro ativo do associativismo, criando condições físicas e de financiamento para que as associações locais possam desempenhar as suas funções”, referiu Alexandre Gaudêncio.

 

Autarquia recebeu painel de homenagem dos emigrantes ao Senhor Santo Cristo dos Milagres

Também no dia 12 de novembro, o presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, e o vereador com o pelouro da Cultura, Juventude e Desporto, José António Garcia, receberam, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, um painel decorativo do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres. Este painel esteve inserido no projeto “Homenagem dos Emigrantes”, que assinalou a ausência das festas em honra do Senhor Santo Cristo dos Milagres, bem como a consequente ausência da comunidade emigrante, devido à pandemia.

Foram colocados doze painéis à frente das grades da Torre (torreão) principal do Convento da Esperança, tentando estes refletir os tapetes de flores que, habitualmente, adornam as ruas no dia da procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres. A homenagem a mais um ano sem a procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres foi pensada pela arquiteta Sónia Pereira, sendo que cada painel imita os remendos antigos feitos pelo Furador da Loiça. Os painéis foram executados de forma artesanal, com quadrados de criptoméria pintada, unidos como um bordado seguindo a técnica artística “Wabi Sabi”.

A Câmara Municipal da Ribeira Grande assinou com o Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres, um protocolo de colaboração financeira para a criação dos referidos painéis, inseridos no âmbito do Projeto “Homenagem dos Emigrantes” ao Senhor Santo Cristo dos Milagres, nas festas do ano de 2021.

 

Trilho Municipal da Barquinha reinaugurado

No dia 13 de novembro, na freguesia da Lomba da Maia, foi reinaugurado o Trilho Municipal da Barquinha. Este percurso pedestre, que agora tem uma nova configuração, ficou dotado de melhores condições e acessibilidades e passou a ter mais dois pontos de interesse: a Cascata das Três Bicas e a Cascata do Preto. Além disso, o trilho apresenta, agora, um formato circular, com um grau dificuldade médio, cinco quilómetros de distância e uma média de 2h30 de duração.

“Os trilhos pedestres são importantes para dinamizar a economia local”, afirmou Alexandre Gaudêncio, na inauguração do novo trilho. A aposta nos trilhos pedestres municipais, iniciada no ano de 2015, tem-se revelado muito importante na dinamização da economia local, atraindo turistas de diversas proveniências, para além dos próprios residentes na ilha. A autarquia tem tido a preocupação de aumentar a rede municipal de trilhos pedestres, atualmente conta com seis trilhos, o que totaliza cerca de 50 km. O autarca referiu ainda a preocupação da autarquia em criar percursos circulares, formando um roteiro histórico-cultural, de maneira a promover e valorizar as tradições locais.

Na inauguração, além do presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, esteve também o vereador da Cultura, Juventude e Desporto, José António Garcia, e o presidente da Junta de Freguesia da Lomba da Maia, Alberto Ponte.

 

Ribeira Grande integra rede de cidades circulares

A Câmara Municipal da Ribeira Grande faz parte da rede de cidades circulares, através do projeto “RURBAN Link”, um projeto liderado pelo município do Fundão e que engloba, ao todo, oito cidades de todo o país. A rede tem como objetivo promover ligações funcionais circulares entre as áreas urbanas e rurais, enquanto alavancas do desenvolvimento territorial integrado e de processos colaborativos de base local.

No dia 18 de novembro, decorreu a primeira reunião de trabalho, na qual participaram vários parceiros locais, assinalando, dessa forma, a Semana Europeia de Prevenção de Resíduos. Um dos temas que será proposto é a promoção de um sistema alimentar urbano-rural que torne mais eficiente e sustentável o fluxo de produtos desde a produção até ao processamento, distribuição, consumo e a consequente gestão de resíduos e processos inerentes.

O presidente da autarquia da Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, destacou o pioneirismo da iniciativa e as vantagens de estarem várias entidades envolvidas no projeto, podendo assim haver uma troca de experiências e boas práticas ambientais. A rede “RURBAN Link” é apoiada pela Iniciativa Cidades Circulares (InC2), um programa do Ministério do Ambiente e da Ação Climática, gerido pela Direção Geral do Território, e que é orientado para apoiar e capacitar os municípios, e suas comunidades, na transição para a economia circular.

 

Limpeza da orla costeira no Dia Nacional do Mar

A 20 de novembro, junto ao porto de pescas da Vila de Rabo de Peixe, decorreu uma ação de sensibilização, promovida pelo Clube Naval de Rabo de Peixe, integrada nas comemorações do Dia Nacional do Mar e do programa de celebrações do 20º aniversário do clube.

Várias dezenas de voluntários e diversas entidades, concentraram-se junto ao porto de Pescas de Rabo de Peixe e levaram a cabo uma ação de limpeza daquela porção de costa, alertando para a necessidade de bem tratar o mar.

A acompanhar a ação esteve a vereadora Cátia Sousa, o presidente da Junta de Freguesia de Rabo de Peixe, Jaime Vieira, e o presidente do Clube Naval de Rabo de Peixe, Rúben Farias.

 

Gaudêncio destacou investimentos no ensino no aniversário da Escola Básica Integrada da Maia

O edil Alexandre Gaudêncio esteve presente na cerimónia do 20º aniversário da Escola Básica Integrada da Maia. O evento contou com a entrega dos diplomas de mérito escolar e cívico, tendo o autarca entregue o prémio do melhor aluno do 6º e do 9º ano de escolaridade, no valor de 250 euros cada, segundo os critérios propostos pelo Conselho Local de Educação.

Alexandre Gaudêncio lembrou que, anualmente, gasta cerca de 600 mil euros na área educativa, destacando os diversos projetos extracurriculares e o apoio à rede municipal de ATL. O presidente anunciou ainda que, para 2022, está prevista uma verba de 125 mil euros para atribuição de bolsas de estudo aos alunos que pretendam prosseguir no ensino superior.

No final da cerimónia, Alexandre Gaudêncio prometeu reivindicar, junto da Secretaria Regional da Educação, a mudança do ensino pré-escolar e primeiro ciclo da Maia para as instalações da escola básica da freguesia, sendo que “desta forma estaremos a dar melhores condições de aprendizagem, atendendo que as instalações atuais não têm, por exemplo, espaços para atividade de educação física”. Esta é uma reivindicação de longa data.

 

“Cookies de Chá – Bogangas” venceu o Concurso de Ideias da Ribeira Grande

No dia 29 de novembro, no Mercado Municipal da Ribeira Grande, decorreu a apresentação do produto vencedor do Concurso de Ideias da Ribeira Grande. O projeto vencedor intitulado “Cookies de Chá – Bogangas”, foi apresentado pelas promotoras Joana Pinheiro e Susie Rodrigues, tendo como principais objetivos o fabrico e distribuição de “cookies” confecionadas de forma artesanal, à base de Chá Gorreana.

Na demonstração do produto, a vereadora Cátia Sousa, destacou a importância do investimento da autarquia em iniciativas dedicadas ao empreendedorismo, como forma de enriquecimento do tecido empresarial do concelho, contribuindo também para a criação de postos de trabalho.

As “Cookies de Chá – Bogangas” podem ser encomendadas através das redes sociais Facebook e Instagram e podem ser adquiridas na Fábrica de Chá Gorreana ou no snack-bar “Oi Cara!”, no Mercado Municipal.

 

Aplicação OurCity vem facilitar licenciamento urbanístico

A autarquia da Ribeira Grande tem já em vigor uma plataforma eletrónica de submissão de projetos para licenciamento urbano, sendo esta uma das mais avançadas do país, a qual permite a submissão de requerimentos em tempo real diretamente no sistema de gestão de processos de obra. A plataforma pode ser utilizada através dos serviços online do município ou da aplicação Ourcity, onde também é possível a consulta sobre a situação de processos de obras, assim como o acesso a outros serviços, estando prevista a introdução mais. A plataforma pode ser utilizada quer na submissão de requerimentos, para novos processos, quer para processos em curso, agilizando e reduzindo dessa forma erros na submissão de elementos em processos de obras.

Entre as várias funcionalidades, destacam-se a validação de formatos de elementos introdutórios, a validação de assinaturas digitais, a catalogação automática de ficheiros, a geração automática de requerimentos, a geração automática de faturas e geração de referências multibanco. O registo e a autenticação dos utilizadores foram também simplificados,

havendo a possibilidade de ser feito através de cartão de cidadão ou chave móvel digital.

O atendimento presencial, através dos serviços do Gabinete de Apoio ao Munícipe, continua a estar disponível, mas a utilização da plataforma passa ser a via preferencial para a submissão dos pedidos, pois está disponível 24h e evita deslocações. Com esta inovação, a autarquia pretende contribuir para a implementação de boas práticas ambientais, evitando assim consumos exagerados de papel e, ao mesmo tempo, acelerar a transição digital nos serviços camarários.

 

Município e Conservatório celebram protocolo de cooperação

O Município da Ribeira Grande e o Conservatório de Ponta Delgada celebraram um protocolo de colaboração, tendo em vista a dinamização do espaço do Museu Vivo do Franciscanismo, nomeadamente através da realização de atividades conjuntas na área da música e da expressão musical, a realização de workshops, audições, masterclasses, concertos e outros.

Alexandre Gaudêncio, presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, e Isabel Albergaria, presidente do conselho executivo do Conservatório, acordaram cooperar na utilização daquele espaço, com destaque para a disponibilização do Órgão histórico instalado no Museu Vivo do

Franciscanismo, atividades letivas e apresentações de alunos e professores. Alexandre Gaudêncio salientou o empenho da autarquia nesta parceria tendo afirmado que a mesma “constitui uma forma de promoção da atividade musical e do aumento da oferta musical, especialmente na área da formação e da valorização pessoal, no concelho da Ribeira Grande”.