Com a publicação de mais solução de autor do Torneio de Iniciação A. Raposo, chegam as classificações dos concorrentes em competição quando estão totalmente cumpridas cinco etapas.

 

TORNEIO DE INICIAÇÃO A. RAPOSO

Solução da Prova nº. 6

“O Baú de Tempicos”, de Raposo & Lena

As páginas do caderno de Tempicos, transcritas na prova referem-se a três ações no tempo, tendo como fio condutor a história da mesma família.

Na primeira citação surge a Dona Gertrudes, com a sua gravidez e com a intenção de chamar à sua filha Carlota ou Joaquina. A ação passa-se em 1969 e o nome dado à sua filha acabou por ser Joaquina.

Para se saber a época em que a ação se passa, teremos de descobrir quem era o treinador que tinha por nome um piropo a mulher. Só poderia ser Bella Guttmann!

Este treinador entrou no Benfica em 1959, depois do mês de junho e ganhou o campeonato nacional na época 59/60. Os factos narrados passam-se em 1960, abril, 24. Um domingo.

Gertrudes iria na segunda-feira, 25, ao médico ginecologista e teria a confirmação do sonho: a sua filha Joaquina vinha a caminho. Naquele 25 de abril ainda não era feriado, só o foi 15 anos depois.

O dia 24 de abril de 1960, domingo, foi o último desse mês e daí a dois meses festeja-se o São João no Porto, com abundância de alhos-porros e vinho tinto.

Na segunda citação conta-se um facto ocorrido em 1980, dezembro, 4. É o dia da queda do pequeno avião que caiu mal levantou voo e onde Sá Carneiro e Amaro da Costa pereceram.

No terceiro excerto, Joaquina é enganada por Carlos que é apanhado agarrado à criada Sofia. Joaquina telefonou à mãe e contou-lhe o seu drama. Conta-se a morte do Dr. Veloso com uma facada nas costas, o que desde logo elimina a hipótese de suicídio. A ação passa-se mais recentemente, na década de 90; Veloso trouxera Carlos, garoto ainda, em 1973, pelo que terá cerca de 30 anos, bem como a Joaquina, a eterna namorada.

Alguém mata Veloso e deixa o lenço que previamente teria surrupiado a Sofia.

E a quem deveria pertencer o lenço?

Não nos esqueçamos que no alfabeto cirílico, usado na Ucrânia, à letra S corresponde o nosso C. O lenço foi lá deixado pelo assassino que com ele limpa as impressões digitais.

Qualquer dos seguintes suspeitos da casa poderá ser incriminado:

Sofia teria trazido o lenço da sua terra pois estava em Portuga há pouco tempo;

Chú, o criado vietnamita, poderia engrossar o rol dos suspeitos (apesar de não ser tão corrente os homens usarem lenços como monograma) pois os vietnamitas passaram a usar o alfabeto latino há muito tempo;

Carlos o “escurinho” de olhos verdes”.

A quem o lenço não deveria pertencer:

Quem não fará parte do grupo será a cozinheira Cheng, cujo alfabeto nada tem de semelhante ao latino;

A Joaquina, por não ser essa a inicial do nome.

Pensamos que o crime teria sido praticado por quem tinha motivos fortes para o fazer: a sobrinha, Joaquina, jogava em vários tabuleiros e preenchia os requisitos. Tão pouco o lenço a poderia indiciar, pois o seu nome não começava por C. Não havendo mais gente na família, a futura herdeira acabaria por ser ela, através da sua mãe, que estaria doente, internada.

Tendo Gertrudes fraca saúde, depressa Joaquina estaria de posse da herança.

Ao usar o lenço, estaria a levar as suspeitas para a dona dele – Sofia que a atraiçoara com o seu homem.

Carlos ficaria sem dote, pois não haveria testamento, por não ter chegado a ser perfilhado.

Quem realmente teria vantagem seria Joaquina e não se mata sem um móbil do crime definido e claro. Estamos certos que a polícia, utilizando toda a sua técnica e experiência, chegará à culpada e acabará por obter a confissão.

           

TORNEIO DE INICIAÇÃO A. RAPOSO

PONTUAÇÕES/CLASSIFICAÇÕES (após 5ª. Prova)

(entre parênteses assinala-se a soma das alcançadas pontuações nas primeiras quatro provas e a pontuação obtida na quinta prova)

 

Grupo de Iniciados

1ºs. Oluap Snitram (40+9) e O Madeirense (39+10): 49 pontos;

3ºs. Chico da Afurada (39+9), Inspetor Mostarda (38+10), Mascarilha (38+10) e Visconde das Devesas (38+10): 48 pontos;

7ºs. Agata Cristas (38+9), Bota Abaixo (39+8), Broa de Avintes (37+10) e Príncipe da Madalena (37+10): 47 pontos;

11ºs. Charadista (38+8), Dragão de Santo Ovídio (36+10), Mancha Negra (36+10), Martelo (38+8), Mosca (37+9) e Santinho da Ladeira (37+9): 46 pontos;

17ºs. Beira-Rio (37+8), Detetive Bruno (36+9) e Solidário (36+9): 45 pontos;

20ºs.  Moura Encantada (35+9) e Pequeno Simão (36+8): 44 pontos;

22ºs. Faina do Mar (35+8), Tó Fadista (35+8) e Zurrapa Verde (34+9): 43 pontos;

25º. Mula Velha (34+8): 42 pontos.

 

Grupo Especial

1º. Detetive Jeremias (34+10): 44 pontos;

2º. Inspetor Mucaba (33+5): 38 pontos;

3º. Inspetor Moscardo (16+8): 24 pontos;

4º. Zé de Mafamude (19+3): 22 pontos;

5º. Madame Eclética (12+3): 15 pontos;

6ºs. Inspetor Guimarães (9+3) e Ma(r)ta Hari (12+0): 12 pontos;

8º. Haka Crimes (8+3): 11 pontos;

9ºs. Arc Anjo (9+0), Pena Cova (9+0) e Talismã (9+0): 9 pontos;

12ºs. Amiga Rola (3+3) e Holmes (3+3): 6 pontos;

14ºs. Carlota Joaquina (3+0), Inspetor Madeira (3+0), Necas (3+0) e Vitinho (0+3): 3 pontos.