No balanço de três programas da área da ação social da Câmara Municipal de Gaia, verificou-se que mais de 2250 famílias foram apoiadas. O programa «GaiaCuidador», o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento e o programa de apoio à carência/emergência social são os responsáveis por cerca de 1,3 milhões de euros de investimento, que apoiou milhares de famílias, num trabalho de articulação entre técnicos de diversos agentes municipais e educativos.

 

 

A Câmara Municipal de Gaia fez um balanço dos apoios prestados em três eixos de ação social, em 2021, que refletem o investimento nas pessoas, um lema do atual executivo. O «GaiaCuidador», o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento e o programa de apoio à carência/emergência social foram os três eixos em análise.

Implementado em março de 2021, o programa «GaiaCuidador» é uma resposta de proximidade, inovadora e única em todo o país. Dotado de uma verba de 200 mil euros, até ao momento, tem 270 candidaturas aprovadas (63 de cuidadores informais não principais e 207 de cuidadores informais principais). Encontram-se, ainda, 19 candidaturas a aguardar aprovação e 67 estão em fase de avaliação. O Município de Gaia já investiu neste programa cerca de 155 mil euros.

Já o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento, com uma verba aprovada para 2021 de 900 mil euros, está a apoiar, até ao momento, 516 agregados familiares, sendo que oito estão a aguardar aprovação. No total, este ano, a autarquia já investiu 899.907 mil euros, sendo que 41 candidaturas estão, ainda, em avaliação.

Por fim, no que diz respeito ao programa de apoio à carência/emergência social, com uma verba aprovada, para 2021, de 250 mil euros, a Câmara está a apoiar, até à data, 1.465 agregados familiares, com maior incidência nas despesas de habitação, saúde e alimentação.

Estes apoios são possíveis graças ao trabalho em rede, das quais fazem parte técnicos da Câmara Municipal, das juntas e uniões de freguesia, das empresas municipais e da rede social e educativa do concelho. As respostas sociais têm sido um sucesso e tem sido feita uma intervenção orientada, dinâmica e com diferença efetiva na vida de mais de 2250 famílias.