A antigas instalações da Rechousa – Canelas, da empresa Soares da Costa, que foi uma das maiores construtoras portuguesas, encontram-se totalmente abandonadas, pese embora se veja uma placa de que  está à venda pelo Banco Santander.

Este abandono tem levado a que grupos de indivíduos nelas entrem e dela retirem, aos poucos, tudo o que possa constituir fonte de dinheiro, na maior parte dos casos, para sustentar vícios.Já ali ocorreu um incêndio, que sendo dominado pelos Sapadores de Gaia e Voluntários de Valadares, levou a que uma das barras da entrada se partisse, permitindo livre acesso às instalações.

A GNR de Canelas ali vai aparecendo, de vez em quando, mas não na medida do necessário.Sendo uma propriedade a valer algumas dezenas ou até mesmo centenas de milhões de euros, não seria possível “obrigar”  o Banco Santander a manter vigilância e mesmo iluminação com anteriormente? É que,como está, os moradores contíguos  da ruas da Rechousa e Delfim de Lima, temem pela  segurança das suas casas e bens.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com