O XIV Congresso Regional da JS/Açores aconteceu de 13 a 15 de novembro, na Biblioteca Pública e Arquivo Regional em Ponta Delgada, ficando marcado pela apresentação e aprovação por unanimidade da moção “Por Ti e Contigo”, um “projeto ambicioso”, de acordo com o novo presidente da JS/Açores, que tem como um dos objetivos principais estar mais pertos dos jovens, levando-os a participar de forma mais ativa na política.

 “Por Ti e Contigo” é o mote da moção da JS/Açores. No discurso de abertura do congresso, Vílson Ponte Gomes afirmou a sua vontade em estar perto dos jovens, já que “cabe à Juventude Socialista dos Açores ouvi-los [aos jovens], perceber as suas preocupações, as suas visões e as suas ideias e, com eles, adaptar-se às evoluções dos tempos e arranjar soluções conjuntas para ultrapassar os desafios do futuro”. Em declarações ao AUDIÊNCIA, o jovem socialista diz que uma das grandes preocupações dos jovens diz respeito ao emprego, ora “pela questão da precariedade”, ou “de se ter emprego com um rendimento não adequado às reais necessidades que os jovens sentem hoje”. Por isso mesmo “temos que acompanhar a evolução dos tempos”.

“É urgente falar sobre aquilo que tem impedido milhares de jovens de encontrar na política um canal para a afirmação dos seus anseios, dos seus problemas e das suas ideias e dos seus projetos para a Região”, declarou o Presidente da JS/Açores. É pela falta de participação dos jovens na vida política da região que a Juventude Socialista Açoriana quer “continuar a mobilizar o nosso esforço, o nosso capital de responsabilidade e de participação no debate sobre o nosso futuro coletivo”.

De forma a aumentar a participação política dos jovens surgem então as ideias de introduzir um “programa abrangente de educação política no 3.º ciclo do ensino básico e ensino secundário”, bem como a realização de debates abertos para discutir a atualidade que acontece no país, na região, no concelho ou freguesia, com o intuito de despertar o interesse dos jovens pelo envolvimento e desenvolvimento das suas ideias, sendo estas intervenções feitas em articulação com as estruturais locais da JS/Açores, conforme disse o jovem presidente da Juventude Socialista.

 O AUDIÊNCIA também falou com Hélder Cymbron, presidente da Comissão Organizadora do XIV Congresso Regional da JS/Açores, natural de Rabo de Peixe. De acordo com o mesmo, este foi mais um congresso de sucesso, do qual “a JS/Açores sai [deste congresso] de parabéns devido ao facto de ter uma moção global de estratégia que visa o renovar e o dar uma nova esperança a todos os jovens açorianos”.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com