Com o mote “existimos a pensar em si”, a Quinta Espírito Santo realizou, entre os passados dias 23 e 24 de outubro, o tradicional Open Day, disponibilizando a todas as pessoas que procuravam inspirações, um leque diversificado de ofertas e sugestões para a realização de eventos únicos e distintos.

 

 

Situada em Arcozelo, em Vila Nova de Gaia, a Quinta Espírito Santo, contempla um ambiente acolhedor, requintado, muito natural, constituindo um cenário privilegiado para a realização de vários eventos, como casamentos, bodas de ouro e prata, batizados, aniversários, conferências, entre muitos outros.

Pedro Torres e Filomena Gouveia são diretores deste espaço e sublinharam, em entrevista ao AUDIÊNCIA, que a intenção do Open Day, que decorreu entre os passados dias 23 e 24 de outubro, foi de mostrar a oferta para a realização de eventos diversos, através de com um leque de parcerias selecionadas pela qualidade do serviço e inovação.

A inauguração do Open Day contou com a presença de Maria Adelina Pereira, presidente da Junta de Freguesia de Arcozelo, o que, para Pedro Torres, representou “uma motivação extra, neste momento, sentir o apoio da classe política e das autarquias”, uma vez que “este ano é particularmente mais importante, porque tivemos um ano e meio de pandemia, que nos obrigou a ter um interregno e nota-se, cada vez mais, que as pessoas voltam a ter necessidade de sair à rua, de ver coisas novas e de fazerem as festas que estavam adiadas e este é o grande momento”.

Movidos pelo lema “existimos a pensar em si” e pela preocupação de garantirem a satisfação dos clientes, os gerentes da Quinta Espírito Santos explicaram que este dia aberto é bastante importante, “não só para nós, como para todos os nossos parceiros, porque temos excelentes parcerias em todas as áreas, nomeadamente casamentos, batizados, comunhões, aniversários, empresariais e é uma forma, também, das pessoas poderem contactar diretamente, não só conhecendo a Quinta, conhecendo-nos a nós, mas conhecendo, também, todas as outras parcerias que temos”.

Tendo como parceiros presentes a Imobiliária MC; Telma Pedroso; Marlene Rosa – Amigurumis; Nanda Brinca; MJ Estúdio; DJ Guimarães; Sotavinhos; M.Cunha Vinhos; 2 Tons; One Moment; Yonos; Casa dos Leitões; Hellen’s Jóias; Ângela Marques; Ana Ferreira; Eliseu Vaz Saxofonista; Tipografia M.Pinto da Cunha; Andreia Pereira; Noiva Lusa; Morgadinha dos Conventuais; Tudo o que quiseres; Luxury Event’s Solution; CD Viagens; Alynne & Tato; Online! Telecomunicações; Oldtour; Trota de Noz; a.OCTAVIO – Mediação de Seguros; PCouto Solutions; Café Ponto de Encontro; Lema d’Artes Gráficas; Padaria Taboense; Teresa Teixeira; O seu café; Engomaria Fatinha; Straightline; e João Padua, segundo Filomena Gouveia, o Open Day da Quinta Espírito Santo permite “dar a conhecer a quem nos visita, todos os serviços que poderão ser úteis para a realização da festa ambicionada, porque têm, aqui, tudo o que necessitam para a realização de um evento à medida de cada um”.

De acordo com Pedro Torres, “a adesão tem sido muito positiva”, uma vez que “as pessoas estão a querer realizar eventos, precisam de festas e precisam de momentos de alegria, para ultrapassarem as situações menos boas, que vivemos no último ano e meio”. Uma ideia que foi reforçada por Filomena Gouveia, que sublinhou que “a realização de um evento, seja ele qual for, é uma justificação fantástica para as pessoas voltarem a juntar-se e matarem saudades, num momento de alegria e de festa”.

Assumindo que a arte de bem receber é outra característica que distingue este espaço, os gerentes enalteceram que “nós primamos e gostamos que os nossos clientes se sintam como se estivessem em casa”, salientando que “o primeiro contacto acaba por ser extremamente importante, depois é a forma como tudo é tratado, desde a escolha de ementas, decoração, serviço que pretendem, por outro lado, a forma como os colaboradores sentem e vivem a casa, os recebem e acolhem, também, marca, assim com o tipo de serviço que nós prestamos e a nossa cozinha, que é ótima, muito caseira e é sempre bastante elogiada”.

Garantindo que é seguro as pessoas realizarem as suas festas, Pedro Torres e Filomena Gouveia ressaltaram que “neste momento, mais do que qualquer outra coisa, o mais importante é haver um sentimento de segurança e, sem dúvida nenhuma, eu acho relevante dizer não tenham medo, façam a vossa festa, procurem-nos e vamos dar o nosso melhor, para que seja a festa, de cada um”.