Numa altura em que as tatuagens estão na moda mas também são alvo de várias críticas ainda, o AUDIÊNCIA foi conhecer o trabalho de Miguel Coelho, tatuador há 10 anos com estúdio próprio em Avintes.

Quem é Miguel Coelho?

Miguel Coelho é apenas um avintense de 37 anos de idade. Sou tatuador a tempo inteiro mas também sou professor de Jiu jitsu brasileiro onde ensino a crianças e adultos defesa pessoal e nos meus tempos livres sou presidente do Grupo Motard Broas No Ar.

E de onde surgiu o sonho de ser tatuador?

Em Inglaterra, mas foi um amigo de infância, Márcio Rodrigues, que me fez pensar sobre o assunto. Pois ele tinha tirado o curso de tatuador e eu dizia que não era pra mim. Agora é um sonho realizado.

Em que idade surgiu esta aventura?

Há cerca de 10 anos, tinha 27 anos na altura.

Tem estúdio próprio?

Sim, tenho. O estúdio situa-se na Rua Futebol Clube de Avintes nº 3, junto dos correios de Avintes.

Trabalha sozinho? 

Não, tenho um tatuador em part-time no estúdio, Tiago Couto.

Ainda tem sonhos por realizar?

Alguns.., Acredito que os sonhos são o que nos fazem sentir vivos e empenhados e nos obrigam a lutar. Neste momento, os sonhos a realizar são mais pessoais do que profissionais e esses vou guardar para mim.

Qual foi o maior desafio que teve?

Todas as tatuagens são um desafio, mas o meu maior desafio talvez tenha sido tatuar um retrato pois requer muito estudo e dedicação. Tudo tem de ser feito ao pormenor.

O que mais gosta de fazer?

O que mais gosto de fazer nas tatuagens é realismo em black and Grey (preto e cinza).

Desejos para 2020?

Que 2020 seja um ano de muito sucesso, muita saúde, e que haja menos preconceito em relação às tatuagens.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com