A Exposição “Vestida de Branco” foi inaugurada no Convivium de Santo Agostinho, no Santuário de Fátima, e reúne mais de 150 obras de arte, artefactos religiosos e documentos diversos. A mostra assinala o centenário da escultura original de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, que está na Capelinha das Aparições desde 12 de junho de 1920 e que foi esculpida por José Ferreira Thedim (1892 – 1971), mestre santeiro de S. Mamede do Coronado, na Trofa.

Sérgio Humberto, presidente da Câmara Municipal da Trofa, Renato Pinto Ribeiro, vereador da Cultura da autarquia, e o santeiro trofense Boaventura Pereira de Matos fizeram questão de marcar presença nesta Exposição, que integra várias peças da propriedade da Câmara Municipal da Trofa, da Coleção Estúdio Nossa Senhora de Fátima e da Coleção José Ferreira Thedim, bem como peças de Boaventura Pereira de Matos, mestre santeiro responsável pela última policromia da imagem.

O presidente da Câmara da Trofa salientou, a este propósito, que “é um orgulho para a Trofa estar ligada à imagem religiosa mais conhecida do mundo e à salvaguarda da arte sacra e da imaginária religiosa tão característica do Vale do Coronado e que está inscrita no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial”, ressaltando que a autarquia também se prepara “para assinalar este centenário da criação da imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, com um conjunto de efemérides”.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com